Login or create new account.

Pellentesque habitant morbi fames ac turpis egestas. Vestibulum tortor quam. Pellentesque habitant

Review your order.

Pellentesque habitant morbi fames ac turpis egestas. Vestibulum tortor quam Pellentesque habitant.

Payment And FREE shipment.

Pellentesque habitant morbi fames ac turpis egestas. Vestibulum tortor quam. Pellentesque habitant

Client Login

Or
A sua empresa é cautelosa o suficiente com a segurança dos dados?

A sua empresa é cautelosa o suficiente com a segurança dos dados?

Um estudo efetuado pela Oracle afirma que talvez não. Aliás, é muito provável que não, uma vez que o custo médio de uma falha segurança aumentou 36% em relação a 2017.

As organizações, hoje em dia, possuem um elevado compromisso com a segurança, no entanto, apresentam grandes falhas ao nível da deteção, gestão e prevenção da segurança dos dados. Por norma, as empresas receiam ataques internos e, por isso, conferem algumas limitações ao nível do controlo interno.

Um dos grandes erros praticados pelas organizações é o investimento em segurança nas áreas que apresentam menor risco de ataque – servidores, redes e desktops. O compromisso das empresas com esta temática é elevado, mas mal gerido, sendo escoado para as áreas erradas. No entanto, apesar deste erro, a maioria das empresas que o estudo aborda têm plena consciência de que as bases de dados são mais vulneráveis a ataques. A monitorização pouco eficiente das atividades dos utilizadores principais e a falta de conhecimento relativamente à localização dos dados críticos são outras duas grandes falhas que as empresas assumem. 

É preciso, por isso, entender que a predisposição por parte das empresas para se debruçarem sobre este tema é cada vez maior e que 2018 trouxe números animadores, no sentido em que revelou que 26% do valor contemplado nos orçamentos empresariais é destinado somente à cibersegurança. No entanto, é necessário que os esforços não fiquem por aqui e que se possam efetuar, cada vez mais, relações diretas entre as falhas e as soluções.